O cu da travesti deve sempre ser lubrificado antes da penetração.

Travesti é mulher por identidade de gênero, aparência e merece todo carinho que possamos oferecer. Sua feminilidade está combinada com seu corpo e jeito sensuais que deixam os amantes do gênero loucos de desejo. Se você gosta de travesti não se considere bissexual, mas plenamente hetero. Eu amo mulher trans, amo!
loading...

Todavia, as mulheres trans guardam suas características. No sexo anal devemos ter todo cuidado na penetração para não machucar as meninas, pois O ânus ou cu não se auto lubrifica, bem como é mais apertado que a vagina ou buceta da mulher cis. 
 
Mesmo com as mulheres Cis deve haver um ritual para “molhar” a buceta naturalmente. Tanto na travesti como na mulher cis o sexo anal exige lubrificação.
Travesti e sexo anal.
 
 
As mulheres trans são experientes e passam algum gel lubrificante-anestésico para facilitar a penetração e diminuir a sensação de dor, mas as primeiras metidas devem ser com carinho e vagarosas para o cu se dilatar aos poucos. 

A depender do seu nível de relacionamento você mesmo pode passar o gel, KY por exemplo, introduzindo o dedinho no cuzinho da travesti de forma carinhosa e provocante. Uma vez inventei de fazer isto e Joana (uma querida ex-amante travesti) gozou só nesta brincadeira. “Ju” gozava que só!
 
Feito isto, é só curtir a transa com muito tesão de ambas as partes para gozar gostoso vendo sua travesti gemer, dar gritinhos excitantes e derramar o amável leitinho sobre o lençol. 



Gostei(3)Não gostei(0)

Veja também - See more:

One thought on “O cu da travesti deve sempre ser lubrificado antes da penetração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *